SUCESSO DA SEMANA – Maná com Jorge & Mateus – Eres Mi Religión


A música que é destaque nesta semana na programação da 91, é a super parceria do grupo mexicano Maná com a dupla sertaneja Jorge & Mateus.

Anúncios

SUCESSO DA SEMANA – Fernando & Sorocaba – Livre

http://ocanal.files.wordpress.com/2012/02/sucesso-da-semana-livre.jpg

MÚSICA DA SEMANA: Zé Henrique & Gabriel com Jorge & Mateus – Por Baixo ou Por Cima


Seca nos EUA pode provocar crise global de alimentos

A pior seca dos últimos 50 anos nos Estados Unidos pode provocar uma crise de alimentos de proporções globais. O alerta está em reportagem de ontem do jornal britânico ‘Financial Times’, assinada pelos jornalistas Jack Farchy, de Londres, e Gregory Meyer, de Nova York.

Artigo do jornalista Peter Baker, publicado no New York Times, também informa que o presidente Barack Obama preveniu na quarta-feira que o abastecimento alimentar está ameaçado pelo agravamento da seca que aflige mais da metade do país. Obama pediu para o Congresso reativar programas extintos de ajuda em situações calamitosas.

O presidente americano reavaliou a situação com o secretário da Agricultura, Tom Vilsack. O secretário disse que se trata da “situação mais séria” em cerca de 25 anos e revelou que estava rezando para chover.

“Eu me ajoelho todos os dias, e faço uma oração extra”, disse Vilsack aos jornalistas na Casa Branca, depois de discutir a situação com o presidente. “Se soubesse uma oração da chuva ou uma dança da chuva, eu poderia fazê-la”, afirmou.

Vilsack disse ao NYT que 1.297 condados, cerca de um terço dos condados do país, foram classificados como áreas de desastre. Ele disse também que outros 39 foram incluídos nessa conta na quarta-feira.

Mais de três quartos da safra de milho e soja do país estão em áreas atingidas pela seca, e mais de um terço dessas safras estão agora classificadas como muito fracas, disse o secretário. O preço do milho subiu 38% nas últimas semanas, e o da soja, 24%.

O país ainda poderá ter a terceira maior safra de milho da história porque o tempo bom anterior encorajou o plantio, mas Vilsack disse que a seca elevaria os preços dos alimentos em 2013.

De acordo com o FT, os preços do milho e soja subiram a níveis recordes, superando os picos da crise de 2007-08, que provocou motins em mais de 30 países. Já os preços do trigo ainda não estariam em níveis recordes, mas subiram mais de 50% em cinco semanas, superando os preços alcançados após a proibição de exportação da Rússia de 2010.

Ainda segundo o jornal britânico, a seca nos Estados Unidos, responsáveis por quase metade das exportações mundiais de milho e boa parte da soja e do trigo, deve repercutir em todo o mundo, atingindo consumidores do Egito e da China.

O custo da carne bovina, suína e de aves poderá cair no curto prazo porque os rebanhos estão sendo liquidados, levando mais carne ao mercado, segundo Vilsack. Mas esses preços provavelmente subirão mais para o fim deste ano ou no começo do próximo. Ele não quis especular sobre a possibilidade de a seca estar relacionada à mudança climática.

“Tudo que sabemos é que nesse momento há muitos agricultores e criadores em dificuldade”, disse Vilsack. Segundo ele, a prioridade deve ser “o que nós podemos fazer para ajudá-los”.

O governo dos EUA baixou a taxa de juros para empréstimos de emergência e tem trabalhado para acelerar programas de ajuda. Vilsack disse que o Congresso poderia ajudar recuperando programas para desastres que expiraram no ano passado ou fornecendo outra ajuda pela legislação de apoio à agricultura.

O brasileiro José Graziano da Silva, diretor-geral da Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO), disse ao Financial Times: “Estou certamente preocupado com os recentes aumentos nos preços das commodities de alimentos, dadas as suas implicações potenciais especialmente para os mais vulneráveis e os pobres, que gastam cerca de 75% de sua renda em alimentos”.

Soja e Milho: Mercados interno e internacional têm semana de intensa valorização

 

A soja registrou mais uma semana excepcional. No mercado internacional, a oleaginosa superou os US$ 17 por bushel com o vencimento agosto e no mercado interno brasileiro, a saca foi negociada acima dos R$ 80, acompanhando as altas registradas na Bolsa de Chicago.

Uma preocupante seca nos Estados Unidos está dizimando a produção de grãos do país e servindo de estímulo para os intensos ganhos registrados não só pela soja, mas também pelo milho e pelo trigo. Esta estiagem é a pior em mais de 50 anos e quase 1300 cidades, em 29 estados, estão em sinal de alerta.

Milho – Nos mercado do milho – doméstico e internacional – a semana também foi bastante positiva. Os danos mais severos nos Estados Unidos estão sendo sentidos pelo cereal, cultura em que os prejuízos já são irreversíveis.

Por conta disso, os preços também sobem vertiginosamente e a tendência é de que avancem ainda mais. Nesta sexta-feira, todos os principais vencimentos fecharam o dia na CBOT com altas de mais de 10 pontos. Nos portos brasileiros, os negócios estão em torno dos R$ 35. Entretanto, assim como no caso da soja, os produtores seguram os grãos apostando em mais altas.

Meteorologia – Boletim diario
Temperatura minima 14 e maxima 25. Aumenta a temperatura e a humidade com presensa de nuvens dispersas na região

Descrição da Imagem Satélite


Nas imagens se observa nuvens entre a Argentina e o Sul do Brasil devido a influência do Jato Subtropical (ventos fortes em altitude)

A MÚSICA DA SEMANA – Victor & Leo com Zezé di Camargo & Luciano – Quando Você Some

O destaque da semana na 91 FM é a nova música de Victor & Leo com participação especial de Zezé di Camargo & Luciano, “Quando Você Some”.

Saiu o novo DVD de Zezé di Camargo e Luciano

Depois de alguns adiamentos, saiu, na última sexta-feira (6), o novo DVD da dupla Zezé di Camargo e Luciano, “Ao Vivo”, comemorando 20 anos de sucesso.

O show foi gravado em setembro do ano passado, em São Paulo, e algumas das canções do projeto foram utilizadas no recém-lançado CD dos irmãos, aquele que tem “Sonho de Amor” como carro-chefe.

O DVD, que eu pretendo assistir hoje, nesse feriarão aqui no estado de São Paulo, vem com um aviso de “Edição Especial Limitada”.

Pra quem é fã, há uma lembrança interessante. Junto ao DVD, há 21 cartões (foto abaixo) com imagens da dupla, e cada um deles conta uma passagem da carreira de Zezé e Luciano.

O DVD tem as participações da Paula Fernandes e do maestro Eduardo Lages, e está sendo vendido, em média, por R$ 30.

Fonte: Universo Sertanejo

CBOT: grãos encerram a semana com realização de lucros

Na sexta-feira, os futuros dos grãos negociados na Bolsa de Chicago tiraram o dia para “respirar” e registraram um dia de realizações de lucros.
A soja fechou com perdas de 15,75 a 20,75 pontos, o milho entre 13,50 e 15,75 pontos, e o trigo, que liderou as perdas, recuou mais de 20 pontos nos principais vencimentos.

“O mercado continua volátil e de olho no clima, mas, como já vem sendo falado , não se pode esperar que o mercado suba em linha reta e em ritmo sempre acelerado”, esse movimento de correção dos preços é natural do mercado.

A situação da crise na Europa é bastante grave e preocupa os investidores a cada dia mais. Diante disso, a aversão ao risco só faz aumentar.

“A esperança até início deste ano era de que os ‘países ‘emergentes’ salvariam a economia global de uma prolongada recessão. A realidade mostra que ficarão na esperança. Os BRICs e seus parceiros não estão imunes às pressões de ‘economias desenvolvidas’ e os últimos fatos apontam para isto”, explicou o analista.

No entanto, apesar do recuo registrado no pregão desta sexta-feira, os preços dos grãos são historicamentes altos e se encontram em patamares muito positivos. Isso acontece porque, nesse momento, o mercado é extremamente climático e a influência do macrocenário é quase nula.

Nada mudou em relação ao clima nos Estados Unidos e as condições continuam adversas e desfavoráveis às lavouras norte-americanas. As últimas previsões do modelo americano, o GFS, apontam para chuvas e temperaturas um pouco mais amenas a partir desta segunda-feira (9).
No entanto, mesmo que essas chuvas se confirmem, elas não serão suficientes para resolver o problema de falta de umidade do solo e não serão abrangentes. “O dano em boa parte da safra de milho é irreversível neste momento. A esperança agora é de chuvas que venham evitar maiores danos. Na soja, ainda se vê a possibilidade de recuperação de rendimento em algumas áreas, mas o consenso é de que grandes danos também já foram causados”, alertou Dejneka.

Além disso, o analista afirma que estas são informações do modelo norte-americano, o qual não vem sendo muito preciso nas últimas semanas e a confiança dos agentes de mercado nele não é muito grande. O mais correto até o momento tem sido o modelo europeu, e esse não mostra muitas chuvas para as próximas semanas. Com isso, o que se espera é que na segunda-feira (9), o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) apresente um novo recuo nos índices de lavouras em boas ou excelentes condições tanto para a soja quanto para o milho em seu próximo relatório de acompanhamento de safra.
“A tendência não mudou e friso que mercados não sobem em linha reta. O “perigo” é muito maior de novas fortes altas e a indústria, assim como especuladores, estarão aproveitando baixas para entrar comprando. A definição do clima nas próximas duas semanas ditará a direção dos mercados no curto prazo.”

Com informações do site agronegocios.com.py.

Eduardo Costa posta foto no Twitter com sua filha

O cantor Eduardo Costa publicou neste domingo uma foto com sua filha Maria Eduarda, junto com a frase: “Meu filhote chegou…Maria Eduarda….Pensa numa saudade”.

Esse assunto tem sido polêmica na vida do sertanejo, por conta de declarações de sua ex-mulher dizendo que ele não via a garota a muito tempo. Por outro lado, ele nunca negou e explicou que o motivo é a relação com sua ex.

Música da Semana: Ricardo & João Fernando – Duplo Sentido (part. Israel Novaes)

A música em destaque nesta semana é “Duplo Sentido”, de Ricardo & João Fernando com Israel Novaes. O clipe da música já havíamos postado, e você confere aqui.